Uma história real: como uma simples necessidade pode virar um negócio.

Posted on Posted in Entrevista, mulheres empreendedoras

jen

Jen Joas, sempre foi dona de casa, uma mulher dedicada, que cuidava do marido e das crianças, uma das atividades diferentes da sua rotina diária era correr pela cidade, como uma forma de manter-se em contato com outras pessoas. No entanto, havia algo que á incomodava durante as suas corridas, era o fato dos seus cabelos caírem no seu rosto, pois como eram muito lisos não havia jeito dela arruma-los.

Jen, começou a procurar em lojas locais por outras alternativas que não fossem as presilhas e grampos que estava habituada, como ela gostava de usar o cabelo solto, pensou na possibilidade de comprar bandanas para colocar na cabeça enquanto praticava as corridas, mas ela queria algo que além de funcional tivesse um certo estilo. Depois de procurar em vários lugares e não encontrar algo como ela desejava, Jen que que sabia costurar, comprou alguns tecidos e sentou-se na sua máquina de costura e fez seu próprio acessório. Com isso, nascia sua primeira bandana personalizada.

A ideia simples, começou a estruturar um modelo negócio, as pessoas e amigos notaram que mais que uma simples bandana, ela havia criado um acessório que poderia facilmente compor um estilo diário.

Jen começou a confeccionar as bandanas na sua casa e a atender algumas pessoas próximas. No entanto, pensando em fazer seu negócio crescer, ela teve a ideia de procurar salões de beleza e boutiques locais e propor parcerias de vendas, com isso, Jen criava uma marca a UrbanHalo.

As vendas da bandanas foram se intensificando, e como ela mesma as produzia em casa, e não tinha despesas com aluguel, sua margem de lucro era ótima. Foi então que, ela criou sua própria loja virtual, e expandiu seu negócio vendendo lenços e bandanas com um preço diferenciado.

Seus clientes vão desde jovens, estudantes universitários, mães e avós. A maior parte do crescimento do seu negócio tem sido através do boca-a-boca.

Eu tenho uma página no Facebook que eu uso para ficar ligada aos nossos adoráveis ​​clientes e  participo de eventos e exposições de moda e maratonas esportivas ao longo do ano, o que ajuda a me conectar com essa comunidade, diz ela.

Jen acha que a maior vantagem de trabalhar em casa é a possibilidade estar presente para os filhos, antes e depois da escola. Ela planeja crescer a linha UrbanHalo para incluir outros acessórios funcionais, e que possam compor o visual das pessoas.

O que podemos aprender com Jen 

  • A ideia do seu negócio começou com uma necessidade que ela mesma possuía, assim como Jen, outras mulheres passam pelo mesmo problema.
  • Uma característica do seu negócio, foi focar em um segmento específico, mesmo sem saber ela estava investindo em um público-alvo.
  • O fato dela mesma usar as bandanas, potencializou o seu marketing, as pessoas podiam visualizar como um simples acessório pode mudar o visual de forma econômica.
  • Trabalhar com parcerias sejam elas físicas ou virtuais é sempre uma boa ideia, o crescimento é mais rápido.
  • A loja virtual colocou os produtos de Jen ao alcance de todos, e o fato de possuir uma marca própria gera uma comunidade em torno do produto;
  • Estar em casa, acompanhar o desenvolvimento dos filhos e produzir algo que você gosta não tem preço.

A lição que fica

 Um negócio não precisa ser algo difícil e inalcançável, você apenas precisa descobrir suas habilidades e transformar isso em um estilo de vida! 

 

f

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *